‘Estou confiante, mas não totalmente tranquilo’, diz José Serra

Empatado com rivais Celso Russomanno e Fernando Haddad, candidato do PSDB à prefeitura paulistana evita falar sobre segundo turno

Bruna Carvalho - iG São Paulo | - Atualizada às

O candidato do PSDB à prefeitura paulistana, José Serra, se disse confiante sobre a possibilidade de ir ao segundo turno ao votar na manhã deste domingo, no Colégio Santa Cruz, zona oeste da capital paulista. Em meio à indefinição sobre o que ocorrerá na eleição paulistana, já que os três primeiros colocados nas pesquisas estão empatados, Serra afirmou que agora lhe resta apenas aguardar o resultado das urnas. 

Veja a transformação dos candidatos na eleição em São Paulo

"Estou confiante, mas não estou totalmente tranquilo. O povo é soberano”, disse o ex-governador, que divide com Celso Russomanno (PRB) e Fernando Haddad (PT) a dianteira nos levantamentos de intenção de voto divulgados ontem sobre a corrida na capital paulista.

Futura Press
José Serra sai de casa, na manhã deste domingo, para votar no Colégio Santa Cruz, zona oeste da capital

Ao votar nesta manhã, por volta das 11 horas, Serra foi acompanhado pelo governador do Estado, Geraldo Alckmin, o candidato a vice, Alexandre Schneider, entre outros aliados. O tucano prometeu que, se for ao segundo turno, vai fazer uma campanha propositiva e a favor da cidade. “Vamos fazer uma campanha a favor de São Paulo, uma campanha pelo desenvolvimento de São Paulo, que contenha nossas principais propostas, uma campanha que olhe para o presente e para o futuro.”

Serra também foi acompanhado na votação por seu neto de 9 anos, André. A mulher do tucano, Monica Serra, votou no mesmo colégio do ex-governador, porém mais cedo, e não acompanhou o candidato do PSDB. 

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG