Candidatos correm para conquistar eleitores indecisos na véspera da eleição

Com proibição de comícios e propaganda eleitoral gratuita ou paga, postulantes às prefeituras das principais capitais do País fazem último contato direto com o eleitor

iG São Paulo |

Na véspera do primeiro turno das eleições municipais em todo o País, os candidatos às prefeituras das principais capitais brasileiras apostam no contato direto com o eleitor nas ruas para conquistar votos na reta final e angariar apoio dos eleitores indecisos. Com limitações impostas pela legislação eleitoral, como a proibição de comícios e de propaganda gratuita ou paga, a maioria das campanhas optou por carreatas e caminhadas com a militância.

De acordo com a legislação, desde a última quinta-feira (4), os comícios e a utilização de aparelhagem de sonorização fixa estão proibidos. Este também foi o último dia da propaganda eleitoral gratuita no rádio e na televisão e para a realização dos debates eleitorais. Ontem, os candidatos tiveram a última chance de divulgar propaganda paga na imprensa escrita. Já as caminhadas, carreatas, passeatas ou a utilização de carros de som divulgando jingles ou mensagens dos candidatos estão liberados até as 22h deste sábado (6).

Veja também: Resultado das eleições em todo o País deve sair até as 22h de domingo

Guia do Eleitor: Tire todas as suas dúvidas

Em São Paulo, maior colégio eleitoral do País, os três principais candidatos apostam em caminhadas para se aproximar dos eleitor no último dia de campanha. Tecnicamente empatado com Celso Russomanno (PRB) na liderança, o candidato José Serra (PSDB) fará dois passeios por centros de compra: às 13 horas, o tucano visita o shopping Metrô Santa Cruz, na Vila Mariana, e, às 16 horas, segue para o shopping Itaquera, na zona leste da capital. Na sexta-feira, o candidato também caminhou pelo shopping Center Norte, na zona norte de São Paulo.

Futura Press
Em São Paulo, Russomanno (foto) fará carreta; rivais José Serra e Fernando Haddad investem em caminhadas

Em queda nas pesquisas, Russomanno fará um único evento de campanha: uma carreata, na zona sul, a partir das 11h.

Fernando Haddad (PT) investirá em três eventos de campanha focados na zona leste da capital, tradicional reduto petista, na esperança de chegar ao segundo turno. Às 10h30, o ex-ministro da Educação visita uma feira livre no bairro de Artur Alvim, com ponto de encontro na avenida Waldemar Tietz. Ao meio-dia, o candidato segue para visitar as obras de construção do estádio do Itaquerão, em Itaquera, e, às 16h, termina sua agenda com uma visita e caminhada na Cidade Ademar.

Gabriel Chalita (PMDB), que chegou aos 11% de acordo com a última pesquisa do Datafolha, fará duas carreatas pela capital: às 10 horas, na zona norte da capital, com ponto de encontro na Av. Casa Verde, e às 15 horas, na zona leste, com concentração em frente à estação Artur Alvim do metrô.

Na capital fluminense, o prefeito e candidato à reeleição Eduardo Paes (PMDB) terá apenas um evento de campanha: às 10 horas, o candidato ferá uma caminhada pelo calçadão no bairro de Madureira. O ponto de encontro será em frente ao Shopping São Luiz, na rua Edgar Romero com Rua Carvalho de Souza.

Saiba mais: Justiça Eleitoral lança aplicativo para consulta de local de votação

Justificativa: 200 mil eleitores devem justificar voto no Distrito Federal

LEO FONTES/O TEMPO/AE
Lacerda escolheu as maiores zonas eleitorais de BH para o último dia de campanha

O segundo colocado nas pesquisas, Marcelo Freixo (PSOL), programou para as 11 horas um abraço coletivo no estádio do Maracanã. Segundo a campanha, o ato é um protesto à maneira como estão sendo conduzidas as obras das Olimpíadas e da Copa do Mundo na cidade do Rio de Janeiro pela gestão atual. A expectativa da campanha é de que ao menos 1,5 mil pessoas participem do evento - o mínimo necessário para realizar o “abraço” ao redor do estádio. O candidato deve passar o resto do dia com a família.

Em Belo Horizonte, os dois principais candidatos da disputa, que juntos somam 79% das intenções de votos, optaram por grandes caminhadas na capital mineira. O prefeito e candidato à reeleição Márcio Lacerda (PSB), que lidera a disputa com 44% e pode ser eleito ainda no primeiro turno, participará de caravanas nos dois extremos da cidade: às 9 horas, o socialista caminhará pelo bairro de Venda Nova, na zona norte, e, às 10h30, realizará outra caminhada pelo Barreiro, zona sul. As duas regiões estão entre as maiores zonas eleitorais da capital.

Já o petista Patrus Ananias , que briga pela realização do segundo turno, ocupará o centro da cidade em uma caminhada que tem concentração marcada para às 9 horas, na praça Tiradentes. O candidato seguirá até a Praça Sete de Setembro. À tarde, Patrus realizará atividades internas em bairros da cidade.

Documentos: saiba o que você precisa levar no dia da eleição

TSE: Tribunal autoriza envio de tropas federais para mais 127 municípios

Beth Santos
No último dia antes da ida às urnas, campanha de Eduardo Paes planeja 'abraço coletivo' no Maracanã

Os principais candidatos à Prefeitura de Porto Alegre também optaram por carreatas e caminhadas na véspera da eleição. O atual prefeito e candidato à reeleição, José Fortunati (PDT), programou a Carreata Por Amor a Porto Alegre para as 16h30, com plantio de mudas de árvores. O evento acontece na Praça Comendador Souza Gomes e marcará o encontro de quatro carreatas que sairão mais cedo de diversos pontos da capital gaúcha. No fim da tarde, às 18h30, Fortunati assistirá ao jogo entre Grêmio e Cruzeiro, pelo Campeonato Brasileiro, no Estádio Olímpico.

Divulgação
Humberto Costa investirá em caravanas no último dia antes da ida às urnas

A candidata do PC do B, Manuela D’Ávila , participará de uma caminhada a partir das 10 horas na Avenida Assis Brasil (com concentração no Viaduto Obirici, às 9h30). À tarde, às 15 horas, a comunista fará uma carreata que terminará com uma caminhada na Cohab Rubem Berta. Já o candidato do PT, Adão Villaverde, fará duas caminhadas ao longo do dia – às 9 horas (Rua dos Andradas), às 11 horas (Assis Brasil) –, além de uma carreata que sairá do Largo Zumbi dos Palmares, às 13h30.

Em Salvador, o candidato do DEM, ACM Neto , participará de duas carreatas pela manhã e duas caminhadas à tarde, no Candeal de Baixo e no Tororó. O petista Nelson Pelegrino , que esteve ontem em uma caminhada com a militância, participará de uma grande carreata por toda a cidade. Mário Kertész (PMDB), que na sexta foi a uma carreata e a uma caminhada, reservará este sábado para reuniões com correligionários e um almoço em família.

Jovens: Eleitores estreantes querem melhoras na saúde, educação e transporte

No Recife, o candidato do PSB, Geraldo Julio , que participou de uma minicarreata na zona oeste da cidade na sexta-feira, não havia divulgado sua agenda para o sábado até o fechamento desta reportagem. O tucano Daniel Coelho visitará mercados públicos da capital pernambucana, começando pelo Mercado da Madalena. O candidato do PT, Humberto Costa , participa de duas caravanas, às 9 horas e às 14 horas.

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG