Dilma estreia em programa de Haddad e defende 'grande transformação' em SP

Presidenta participou pela primeira vez do programa eleitoral do candidato do PT e qualificou ex-ministro como 'a pessoa certa' para administrar a capital paulista

iG São Paulo |

Um dos principais cabos eleitorais do candidato do PT à Prefeitura de São Paulo, Fernando Haddad , estreou na noite desta segunda-feira (10) no programa eleitoral. Em uma rápida participação, a presidenta Dilma Rousseff declarou seu apoio ao ex-ministro da Educação e qualificou o petista como “a pessoa certa” para administrar a maior cidade do País.

Leia mais: PT traça cenário de 2º turno sem Serra e cogita buscar apoio tucano

Leia também: 'O que tem ali é lei eleitoral', diz PT sobre manual por imagem de Dilma

Saiba mais: PT faz 'manual' sobre como barrar uso da imagem de Dilma e Lula por aliados

“Haddad é a pessoa certa para comandar a grande transformação de que São Paulo precisa”, afirmou Dilma. A presidenta também citou possíveis parcerias que podem ser feitas entre a Prefeitura e o governo federal em programas como o Proinfância, o Pronatec, o Minha Casa, Minha Vida e o Mais Educação. 

A temática do programa petista foi a questão das creches em São Paulo. O candidato do PT criticou a Prefeitura e usou depoimentos de algumas mães. Pouco depois da fala de Dilma no programa, Haddad foi apresentado como o candidato também apoiado pelo ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva . “Só o candidato do Lula e da Dilma para fazer mais em menos tempo”.

Leia mais: Após estrear na TV citando mensalão, FHC deve voltar à campanha de Serra

Leia também: Em recado a Russomanno, Haddad critica 'partidarização' de igrejas

A estreia de Dilma no programa eleitoral do PT em São Paulo acontece bem depois da primeira aparição de Lula, que já aconteceu no programa de abertura. Dilma havia sinalizado a aliados que entraria nas campanhas municipais após o dia 7 de setembro . A ex-prefeita e atual senadora Marta Suplicy também já apareceu na propaganda de Haddad na TV

Especial iG: Leia todas as notícias sobre as eleições municipais de 2012

A aparição da presidenta se dá uma semana depois de Dilma ter divulgado uma nota oficial em que rebate o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso (PSDB), que fez críticas ao governo Lula em artigo publicado em alguns dos principais jornais do País. Há quatro dias, na última quinta-feira (6), Dilma utilizou rede nacional de rádio e televisão para fazer seu pronunciamento do Dia da Independência e também aproveitou a oportunidade para fazer críticas indiretas aos anos FHC.

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG