Lula fará última tentativa para ter Marta presente na campanha de Haddad

Senadora tem resistido a apoiar ex-ministro desde que foi preterida na escolha do candidato do PT à prefeitura de São Paulo

Agência Estado |

Agência Estado

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva fará uma última tentativa para convencer a senadora Marta Suplicy (PT-SP) a entrar na campanha do ex-ministro Fernando Haddad à prefeitura de São Paulo. Lula colocou sua agenda à disposição da senadora para um encontro na próxima semana - dia e horário ainda dependem da agenda de Marta, que ocupa a vice-presidência do Senado.

Leia também: Site de Haddad publica vídeo criticando 'São Paulo proibidona' de Kassab

Acordo:  Lula e Marta tentam 'selar a paz'

A ex-prefeita tem resistido a apoiar Haddad desde que foi preterida na escolha do candidato do PT à prefeitura de São Paulo. O ex-presidente está convencido de que ela pode ser o empurrão de que a candidatura petista precisa para subir nas pesquisas e chegar ao segundo turno. Ele quer a presença física de Marta na campanha, de preferência em evento público.

Na avaliação de Lula, parte do eleitorado do PT em São Paulo mantém laços de fidelidade com a ex-prefeita. O próprio Haddad fez questão de dizer que incluiu em seu programa de governo algumas ações bem sucedidas da gestão de Marta, como o bilhete único.

Campanha: Dilma está fora da eleição para não se indispor com aliados, diz Lula

Nesta quinta-feira (23), Lula recebeu em seu gabinete, no Instituto Lula, o ex-marido da senadora, o empresário Luis Favre, e voltou a falar do seu interesse em ter Marta na campanha. Favre estava acompanhado de Valdemir Garreta, que foi secretário de Comunicação na gestão da petista na prefeitura de São Paulo. Após o encontro, eles disseram que tinham feito uma visita de cortesia a Lula e tratado de assuntos diversos.

TV: Lula não participa de programa eleitoral de petista réu do mensalão

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG