Justiça Eleitoral nega registro de candidatura de Rosinha Garotinho

Ex-governadora do Rio e atual prefeita de Campos dos Goytacazes, a candidata à reeleição já havia sido condenada duas vezes pelo Tribunal Regional Eleitoral

Agência Brasil |

Agência Brasil

Divulgação
Ex-governadora do Rio, Rosinha Garotinho sofreu novo revés na Justiça Eleitoral; advogado recorrerá

O colegiado do Tribunal Regional Eleitoral (TRE-RJ) negou, por 5 votos a 1, o registro de candidatura à reeleição da prefeita de Campos dos Goytacazes (RJ), Rosinha Garotinho (PR). A decisão foi com base na Lei da Ficha Limpa.

Contra a ex-governadora do Rio de Janeiro, pesavam duas decisões colegiadas, proferidas no próprio TRE-RJ. Por isso, o tribunal a considerou inelegível para as eleições deste ano.

Relembre: TSE libera Rosinha para reassumir Prefeitura de Campos

Rio de Janeiro: Leia todas as notícias sobre a disputa na capital fluminense

Especial iG: Saiba tudo sobre as eleições municipais de 2012

No último dia 2, Rosinha Garotinho tinha sido condenada pelo colegiado do TRE-RJ por 4 votos a 2, em decisão que teoricamente a deixaria inelegível por três anos, contados a partir de 2008, ano em que foi denunciada por crimes de abuso do poder econômico e uso indevido dos meios de comunicação. Com o tempo de condenação prescreveu, Rosinha continuou no cargo.

Ainda cabe recurso. O advogado de Rosinha, Francisco Pessanha, deve formalizar recurso no Tribunal Superior Eleitoral (TSE), em Brasília, nesta sexta-feira (24). 

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG