#ConfioNoSTF é um dos assuntos mais comentados no Twitter

Usuários brasileiros acompanham e comentam o julgamento do mensalão pela rede social.  #Lewandowski, #Rosa Weber, #STF e #Joaquim Barbosa também estão nos trends

iG São Paulo | - Atualizada às

Os usuários brasileiros do Twitter acompanham de perto o julgamento do mensalão, que começou no Supremo Tribunal Federal (STF) na tarde desta quinta-feira (2). Entre os assuntos mais comentados do Brasil na rede social, os trends, estão as hashtags  #ConfioNoSTF e #STF. Também estão em destaque os ministros do STF, #Rosa Weber, #Joaquim Barbosa e #Marco Aurélio.

Bate-boca: Julgamento do mensalão começa com atrito entre ministros

Mais cedo, o ministro revisor do processo, Ricardo Lewandowski também foi um dos assuntos mais discutidos na rede pelos usuários. No começo do julgamento, um bate-boca entre Lewandowski e Joaquim Barbosa , relator do processo, foi destaque no Twitter através da hashtag  #Lewandowski.

Twitter: Discurso de Lewandowski vira motivo de piada na rede social

Em um longo discurso , o revisor defendeu a tese de desmembramento do julgamento, colocada pelo advogado Márcio Thomaz Bastos. O desmembramento foi negado pelos ministros em votação que terminou em nove contra e dois a favor. 

Leia também: Julgamento do mensalão pode dar audiência recorde à TV Justiça

Expectativa: "Justiça é condenar todos", diz procurador geral sobre mensalão

A popularidade do tema nas redes sociais mostra a espectativa da população em relação ao julgamento do mensalão, contrariando as afirmações de ministros do STF de que esse seria um julgamento como outro qualquer. Na semana passada, declarações da minisra Eliana Calmon , corregedora nacional de Justiça, de que o STF seria julgado pela opinião pública durante a avaliação do processo do mensalão causaram polêmica. "Quem é ela para dizer que seremos julgados? O Supremo não é passível de sugestões, muito menos de pressões", disse o ministro Marco Aurélio Mello sobre o episódio.

    Leia tudo sobre: mensalãojulgamento do mensalãotwitterstf

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG