PT retoma em 2012 número de candidatos pré-mensalão

Patamar é o mesmo de 2004, quando o PT também teve 12% dos postulantes a prefeito; em sua estreia, PSD já tem 7% do total

Ricardo Galhardo - iG São Paulo | - Atualizada às

Sete anos depois do maior escândalo de sua história, o PT retoma, em 2012, o nível de participação em eleições municipais anterior ao mensalão.

Eleições em São Paulo:  Lula posará para fotos com 80 candidatos

PTxPSDB:  Só 16% dos eleitores paulistanos fogem da polarização histórica

Segundo a “Análise quantitativa dos candidatos do PT para as eleições de 2012”, documento para uso interno do partido ao qual o iG teve acesso, 1.781 petistas disputarão prefeituras Brasil a fora em outubro. O número equivale a 12% do total de candidatos a prefeito em todo o Brasil.

São Paulo: Lula deve entrar na campanha de Haddad em 6 de agosto

O patamar é o mesmo de 2004, quando o PT também teve 12% dos postulantes a prefeito. Em 2008, ainda sob o efeito do mensalão, o PT teve 1.630 candidatos, que representavam 11%. Uma das explicações dadas por petistas na época do escândalo foi que o esquema em parceria com o publicitário Marcos Valério foi criado para cobrir gastos de campanha nas eleições para prefeito em 2004.

Eleição: Após Serra falar em 'tropa de choque' na internet, PSDB quer investigar blogs

Leia mais: Serra minimiza empate técnico com Russomanno em pesquisa

O PT é o segundo partido com mais candidatos em 2012. O primeiro é o PMDB, com 2.293 cabeças-de-chapa, equivalentes a 15% dos 15.239 candidatos. Na eleição anterior, quando ainda não era formalmente aliado ao PT, o partido do vice-presidente Michel Temer teve 2.566 candidatos, 17% do total.

O terceiro é o PSDB, com 11% (1.639) dos cabeças-de-chapa. Os tucanos foram os únicos da oposição que mantiveram um alto índice de participação nestas eleições. O DEM caiu de 1.759 candidatos a prefeito em 2004 (11%) para 1.198 (8%) em 2008 e apenas 738 (5%) neste ano. O PPS também teve uma diminuição de 6% (902 candidatos) em 2004 para 3% (430) em 2012.

Quem mais lucrou com o encolhimento do DEM e PPS foi o recém-criado PSD que em sua primeira eleição é o quarto partido com mais candidatos a prefeito, 1.093, 7% do total nacional.

    Leia tudo sobre: eleições2012partidosptpsd

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG