Publicação do salário dos servidores na internet é uma determinação da Lei de Acesso à Informação

Agência Estado

A exemplo da Câmara dos Deputados, o Senado também passará a divulgar os salários dos servidores na internet a partir do dia 31, de acordo com o presidente da Casa, José Sarney (PMDB-AP).

Leia mais:  Câmara divulgará salários dos servidores a partir de 31 de julho

Leia também: Lei de Acesso resultou em mais de 17 mil pedidos em 2 meses

O ato da Mesa que autorizou a divulgação dos salários foi publicado há 45 dias, no Boletim Administrativo de 1º de junho. Nesta segunda-feira, a direção do Senado o regulamentou.

A publicação dos salários na internet é uma determinação da Lei de Acesso à Informação (Lei 12.527/11), que obriga órgãos do Executivo, Legislativo e Judiciário a fornecer informações sobre suas atividades a qualquer cidadão. Os vencimentos serão apresentados de forma individual em seção específica do Portal da Transparência do Senado.

Determinação do CNJ: Judiciário terá que publicar salários até dia 20

Relembre: STF e TST seguiram Executivo e divulgaram salários de ministros

Ontem, o presidente da Câmara, deputado Marco Maia (PT-RS), anunciou que a página da Casa na internet passará a divulgar os salários dos servidores também a partir do dia 31. Segundo o presidente, serão divulgados os nomes dos funcionários e o valor das remunerações, inclusive as horas extras.

Além do salário, também serão divulgadas informações referentes à cota parlamentar, que incluem os gastos dos deputados. O cidadão poderá ter acesso, inclusive, às cópias digitais das notas fiscais apresentadas pelos parlamentares para justificar os gastos.

Com Agência Câmara

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.