PT oficializa candidatura com PR na vice em Fortaleza

O médico e antropólogo Antônio Mourão Cavalcante foi escolhido de última hora para compor a chapa com o petista Elmano de Freitas

Daniel Aderaldo - iG Ceará |

O PT oficializou neste sábado (30) a candidatura de Elmano Freitas à Prefeitura de Fortaleza com o médico e antropólogo Antônio Mourão Cavalcante (PR) na vice.

Indicado pelo ex-governador e presidente do PR no Ceará, Lúcio Alcântara, Mourão é professor da Universidade Federal do Ceará (UFC), articulistas de jornais locais e um dos intelectuais mais renomados do Estado. Sem nunca ter disputado um cargo eletivo e ainda desconhecido da população, Elmano buscava um vice com alguma notoriedade para compor a chapa.

Leia mais: Com Duda, Freitas quer passar imagem de executivo moderno sem 'vícios'

Daniel Aderaldo/iG
Os novos aliados, prefeita Luizianne Lins e ex-governador Lúcio Alcântara, no centro do palanque

“O nome foi apresentado pelo PR com a concordância de todos os partidos e lideranças da coligação. É um homem experiente, com cultura e que conhece a cidade de Fortaleza”, declarou à imprensa o candidato petista, referindo-se ao seu vice, escolhido de última hora.

O vice era um mistério até poucas horas antes da convenção partidária. Ainda na sexta-feira, cogitava-se no PT uma chapa pura com a militante Maria da Penha . Por nota, ela se disse “honrada com o convite”, mas por estar à frente do Instituto Maria da Penha (IMP) estava impedida de desempenhar atividades político-partidárias.

O PT negociava o posto de vice com o PR há algumas semanas. Antes, os petistas haviam convidado o líder da greve dos polícias militares no Ceará, Wagner Sousa , e também Lúcio Alcântara. Contudo, assim como no caso de Maria da Penha, o ex-governador precisaria ter deixado a presidência do Instituto do Câncer do Ceará para ter direito a concorrer nas eleições.

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG