Após discurso no qual sugeriu que todos no planeta tenham acesso a um programa de renda mínima semelhante ao seu Renda Básica de Cidadania, senador petista se 'fantasiou'

Agência Brasil

O senador Eduardo Suplicy (PT-SP) defendeu nesta quinta-feira, no plenário do Senado, a criação de um fundo internacional para erradicação da pobreza que seja sustentado com recursos oriundos de uma taxa sobre operações financeiras. E voltou a chamar a atenção por uma atitude inusitada: após discurso no qual sugeriu que todos no mundo tenham acesso a um programa de renda mínima semelhante ao Renda Básica de Cidadania criado por ele, o senador colocou um chapéu de Robin Hood, ícone da campanha para a criação do fundo internacional proposto por diversas organizações durante os eventos da Conferência das Nações Unidas sobre Desenvolvimento Sustentável, a Rio+20.

Leia mais: Ambientalistas lançam carta de repúdio ao documento da Rio+20

Leia também: Ricos falam uma coisa e fazem outra, diz fonte brasileira na Rio+20

Ao melhor estilo Suplicy, senador usou um chapéu de Robin Hood e fez campanha em defesa de um fundo internacional contra a pobreza
André Dusek/AE
Ao melhor estilo Suplicy, senador usou um chapéu de Robin Hood e fez campanha em defesa de um fundo internacional contra a pobreza

Segundo o senador, a taxa sobre as movimentações financeiras ajudaria também a evitar movimentos especulativos. “Essa taxa poderia ser algo como 0,25% ou 0,2% apenas. Ela seria colocada como uma espécie de areia para dificultar (a fluidez) dos movimentos especulativos”. explicou.

Suplicy participou esta semana de manifestação no Rio de Janeiro para defender a proposta de taxar as movimentações financeiras internacionais a fim de arrecadar recursos para um fundo que atenderia aos mais pobres. Segundo ele, usar o chapéu de Robin Hood ao discursar no plenário do Senado foi uma promessa feita aos organizadores da manifestação.

“Muitos ali vestiram a camiseta da campanha Uma Taxa Robin Hood por um Mundo Sustentável que, esperamos, seja considerada pelos chefes de Estado [que estão no Rio de Janeiro participando da Rio+20] ”, afirmou o senador, segurando uma camiseta com os dizeres da campanha.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.