PT processa revista distribuída no metrô que ataca o partido

Reportagem da 'Free São Paulo' estampa o título 'Muito além da morte' e o símbolo do partido na capa e faz ilações sobre a morte do ex-prefeito de Santo André Celso Daniel

AE |

selo

O diretório estadual do PT comunicou que entrará com uma representação contra a revista Free São Paulo por suposta difamação e calúnia veiculadas na matéria de capa da última edição.

Leia mais: 'Não permitirei que um tucano volte a presidir o Brasil', diz Lula na TV

Eleições: PSB espera definição em Recife para apoiar Haddad em São Paulo

Leia também: Chalita diz que gestão Serra/Kassab foi 'muito ruim' para a cidade

A reportagem da publicação, que é semanal e distribuída gratuitamente nas estações de metrô e trens de São Paulo, trata da morte do ex-prefeito de Santo André Celso Daniel, assassinado em 2002, como pano de fundo para encobrir esquemas de corrupção que, segundo a revista, manteriam o PT no poder.

A capa da revista traz o símbolo do PT e o título "Muito além da morte". O PT garantiu que os responsáveis responderão judicialmente pelo que classificou de "festival de calúnias e difamações".

O diretor de redação da Free São Paulo, Ernesto Zanon, negou as acusações contra o veículo. Segundo ele, o material é baseado em fatos. Ele também negou qualquer vínculo partidário com o PSDB, relação da qual lideranças do PT dizem suspeitar, já que o metrô e os trens de São Paulo são geridos pelo governo do PSDB. 

    Leia tudo sobre: PTPSDBcelso danielmetrô

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG