PPS vai ao TRE-SP contra Lula e Haddad por entrevista a Ratinho

Em nota, o presidente nacional do partido, Roberto Freire, diz que Lula fez 'propaganda eleitoral antecipada a favor de seu escolhido'

iG São Paulo |

O presidente nacional do PPS, deputado federal Roberto Freire (SP), anunciou nesta sexta-feira que o partido vai recorrer à Justiça Eleitoral contra o programa do apresentador Ratinho, veiculado pelo SBT na noite de quinta, com a presença do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e do pré-candidato do PT à prefeitura de São Paulo, Fernando Haddad . O partido, que faz oposição ao governo da presidenta Dilma Rousseff em nível federal, alega que houve propaganda eleitoral fora do período permitido pela legislação.

Leia mais: PT temeu que TRE-SP impedisse participação de Haddad no Programa do Ratinho

Leia também: 'Não permitirei que um tucano volte a presidir o Brasil', diz Lula na TV

Saiba mais: PSDB reage a Lula e diz que declaração de ex-presidente é 'desequilibrada'

Em nota, o presidente do PPS afirmou que Lula, em participação no programa, "não procurou nem mesmo fingir seu claro propósito: fazer propaganda eleitoral antecipada a favor de seu escolhido". Freire disse ainda que houve um ilícito eleitoral e que a igualdade entre os candidatos na disputa pela prefeitura de São Paulo está ameaçada.

"A lei não permite que um pré-candidato, acompanhado de seu principal cabo eleitoral, transforme um programa de televisão em um palanque de campanha", afirmou.

No Programa do Ratinho, Lula defendeu Haddad: "São Paulo precisa ter alguém que tenha o entusiasmo que ele teve cuidando da educação", afirmou o ex-presidente.

A medida judicial será encaminhada pelo diretório do PPS de São Paulo ao Tribunal Regional Eleitoral (TRE).

Na capital paulista, o PPS lançou a pré-candidatura da ex-vereadora Soninha Francine à prefeitura de São Paulo. Nas eleições de 2010, o partido apoiou a candidatura do ex-governador José Serra (PSDB) à Presidência da República contra Dilma. 

Com Agência Estado

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG