Para evitar novo 'silêncio', CPI dispensa dois acusados

Dadá e Jairo Martins, acusados de envolvimento no grupo de Cachoeira, usaram o direito de permanecer calado; reunião prossegue

iG São Paulo |

Para evitar um episódio semelhante ao depoimento de Carlinhos Cachoeira na CPI, que ficou em silêncio diante das perguntas dos parlamentares na terça-feira , o presidente da comissão, Vital do Rêgo (PMDB), dispensou os acusados Idalberto Matias Araújo, o Dadá, e Jairo Martins de Souza, que afirmaram que usariam o direito constitucional de ficar calado.

Leia também: Sem resultados, CPI vira palco para briga entre partidos

Assessor de Cachoeira: Garcez se diz próximo de políticos, mas nega atos ilícitlos

Leia também: Assessor de Cachoeira diz que comprou casa de Perillo para lucrar

Antes de o presidente indagar os dois acusados se ficariam de fato em silêncio, foi ouvido pela CPI o ex-vereador pelo PSDB Wladimir Garcez, apontado como um dos elos entre o grupo de Carlinhos Cachoeira e agentes públicos.

Durante seu depoimento de 20 minutos, o ex-vereador negou que fosse criminoso ou que estivesse envolvido nos negócios ilícitos . Ele afirmou também ser amigo de diversas autoridades como o ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo; o governador de Goiás, Marconi Perillo; o prefeito de Goiânia, Paulo Garcia; e até o ex-governador de São Paulo Mário Covas, já falecido.

Veja especial do iG sobre a CPI do Cachoeira

Garcez acrescentou que fez a campanha do ex-presidente do Banco Central Henrique Meireles, e que, apesar de não ser amigo de Paulo Paim (PT-RS), o senador chegou a ficar hospedado em sua casa.

O assessor também deu uma nova versão para a casa do governador de Goiás, Marconi Perillo , onde Cachoeira foi preso. Ele disse que comprou a casa do governador tucano para tentar lucrar em uma futura revenda. O imóvel, avaliado em R$ 1,4 milhão, foi comprado com três cheques nominais de Leonardo de Almeida Ramos, sobrinho de Cachoeira.

    Leia tudo sobre: dadácpi do cachoeiracarlinhos cachoeiragoiás

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG