Funcionário da Prefeitura de SP multiplica patrimônio e é afastado por Kassab

Hussain Aref Saab, diretor responsável pela aprovação de empreendimentos imobiliários na cidade, comprou mais de cem imóveis enquanto estava no cargo

iG São Paulo |

O diretor responsável pela aprovação de empreendimentos imobiliários na capital paulista, Hussain Aref Saab, multiplicou por dez seu patrimônio nos sete anos em que esteve no cargo durante a gestão do prefeito Gilberto Kassab.

Leia mais: Kassab diz que afastou funcionário por recomendação da CGM

Aref tinha 12 imóveis e agora possui 118 em seu nome, segundo reportagem do jornal Folha de S.Paulo, com base em levantamento feito nos últimos 45 dias em cartórios da Grande São Paulo, litoral e interior do Estado.

No último sábado , Kassab afirmou que o ex-diretor técnico do Departamento de Aprovação das Edificações (Aprov) da Secretaria Municipal de Habitação (Sehab) foi afastado do cargo por recomendação da Corregedoria-Geral do Município (CGM).

A suspeita é de enriquecimento ilícito. O prefeito disse ainda que, caso existam outros suspeitos nessas investigações, eles também serão afastados.

Leia também: PMDB exige saída de secretários de Kassab

Aref deixou o cargo no mês passado investigação da Corregedoria e do Ministério Público. A apuração na Corregedoria foi aberta por determinação de Kassab, que recebeu uma carta anônima com denúncias contra o ex-diretor, informa o jornal.

A defesa de Aref contesta a acusação, mas em depoimento à Corregedoria, Aref não soube explicar seu patrimônio. O advogado do ex-diretor, Augusto de Arruda Botelho, atribui seu patrimônio a uma herança recebida de seu pai e à receita de um estacionamento da família.

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG