Lula e Dilma se emocionam com exibição de documentário

Filme de Ricardo Stuckert mostra os últimos meses do governo Lula; essa é a 1ª ida do ex-presidente a Brasília desde a remissão do tumor

Reuters |

Se a tarde foi de articulação política para a presidenta Dilma Rousseff e Lula , a noite guardou emoções para os protagonistas do documentário sobre o período entre a eleição e posse dela, em janeiro de 2011, exibido na quarta-feira, em Brasília.

Leia também:  Spike Lee diz que ficou impressionadoem encontro com Dilma

AE
Presidenta Dilma Rousseff assiste a filme ao lado de Lula

Dilma e Lula chegaram lado a lado para assistir à estreia do documentário Pela Primeira Vez , após passarem a tarde de quarta-feira reunidos com ministros, e foram recebidos por um coro de "olê, olê, olá, olá, Lula" pela plateia que lotou a exibição do filme.

O documentário, do ex-fotógrafo oficial da Presidência Ricardo Stuckert, mostra os últimos meses de Lula no governo, homenagens ao ex-vice-presidente José Alencar - morto no ano passado vítima de câncer - e discursos de Dilma na diplomação e posse.

"Eu estou emocionado porque, veja, eu acho que tudo aquilo que a gente falava da companheira Dilma antes da campanha era pouco diante do que ela está fazendo no Brasil", disse Lula, de mãos dadas com Dilma, a jornalistas após a exibição do filme.

AE
Lula diz estar emocionado, pois, segundo ele, 'tudo aquilo que a gente falava dela antes da campanha era pouco diante do que ela está fazendo no Brasil'
Saiba mais:  Filme de Stuckert revela bastidores dos últimos momentos de Lula no poder

Como ocorre com os astros de cinema, o ex-presidente não foi poupado dos abraços dos fãs, que se aglomeraram para tirar fotos com ele.

Perguntado se havia alguma diferença entre os governos de ambos, Lula disse: "Diferença tem. É que ela pode fazer mais, fazer melhor". No que foi interrompido por Dilma: "Não, não tem diferença. Nunca vai ter".

Foi a primeira visita de Lula a Brasília desde que foi confirmada a remissão completa de seu câncer na laringe, diagnosticado em outubro do ano passado.

Palco da exibição do documentário, produzido em 3D, o Museu da República foi decorado com diversas fotos de Lula abraçado a populares e ao lado de importantes figuras políticas, como os ex-presidentes Fidel Castro, de Cuba; George W. Bush, dos Estados Unidos; e Nelson Mandela, da África do Sul.

Diversos ministros e ex-ministros acompanharam a exibição, incluindo o ex-titular da Casa Civil do governo Lula José Dirceu, réu no processo do esquema conhecido como mensalão, em que parlamentares e partidos da base do ex-presidente supostamente receberiam dinheiro para apoiar o governo.

O documentário exibiu também a assinatura da posse dos ministros de Dilma, mas excluiu aqueles que caíram durante o governo envolvidos em denúncias de irregularidades. Emocionada, Dilma disse que o documentário conta "um momento especial" do País.

"(Estou) muito emocionada, é um momento especial, é a primeira mulher sucedendo o primeiro presidente com 87 por cento de aprovação", disse ela. E Lula brincou: "Agora, se a bichinha continuar assim, ela vai chegar a 87 por cento no próximo mês." 

Assista ao trailer:

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG