PMs do Comandos e Operações Especiais realizaram a "Operação Verão" durante os dias de festa de fevereiro e garantiram a paz dos turistas do litoral

O carnaval é época de festa e muitas pessoas gostam de aproveitar a data para curtir uns dias no litoral. O tráfico de drogas tenta tirar proveito da grande aglomeração de turistas que seguem para as praias do Estado de São Paulo. Por outro lado, o COE (Comandos e Operações Especiais), a tropa de elite da Polícia Militar de São Paulo garante a paz no feriado prolongado.

Leia também: Comandos e Operações Especiais - Conheça a tropa de elite da Polícia Militar de SP

COE realizou patrulhamento no Guarujá e deu mais uma prova de sua importância  no combate ao crime
Divulgação/COE
COE realizou patrulhamento no Guarujá e deu mais uma prova de sua importância no combate ao crime

A ocorrência que o Tenente Cintra vai nos narrar nessa matéria começa bem antes de ela acontecer. "Nós reunimos 15 Policiais em três viaturas e fomos para o Guarujá na tarde dessa terça-feira. A nossa ação fazia parte da "Operação Verão", a gente foi para lá para reforçar o policiamento e fazer um patrulhamento em áreas que já são conhecidas pela grande movimentação de criminosos", revela o Tenente Cintra do COE .

Leia também: ROTA: Algumas instituições ainda funcionam no Brasil

Quando chegaram no Guarujá, as três viaturas se separaram e foram para áreas específicas e predeterminadas. "Uma das minhas equipes foi para estrada do Pernambuco, na região da praia do Éden. Ali existe uma região que é dominada por comunidades e onde o tráfico é bem grande, mas por essa estrada também passa um grande número de turistas que chegam ou deixam a cidade", diz o Tenente.

Assim que a viatura que levava o Sargento Caetano, Cabo Braga, Cabo Mesquita, Soldado Rocha Silva e Soldado Isaque entrou nessa área de comunidades, um suspeito foi avistado pelos Policiais. "Logo que o Sargento desembarcou da viatura e deu ordem para o suspeito parar, esse criminoso começou a atirar contra a nossa equipe. Ele efetuou quatro disparos com um revólver 38. Nós revidamos e na troca de tiros o Soldado Rocha Silva foi atingido no seu seu colete balístico, o suspeito também foi baleado", conta o Tenente Cintra.

O Policial do COE e o criminoso foram socorridos e levados para o Hospital Santo Amaro do Guarujá. "O nosso homem passa bem e já está em casa. Quando conseguimos deter esse suspeito, nós encontramos na mochila que estava com ele R$ 1700,00 e 1,170kg de cocaína e 400 gramas de maconha. Além da arma utilizada no crime", finaliza o Tenente Cintra.

Leia também: Batalhão de Choque do Estado de São Paulo defende a democracia

A ocorrência foi apresentada no Distrito Policial do Guarujá. O delegado registrou um Boletim de Ocorrência resistência e tentativa de homicídio.

Veja as imagens da ocorrência:


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.