Alexsandro sonha em ser policial da ROTA, mas não contava com tamanha surpresa: na luta contra a doença avançada, uma visita especial deu-lhe força

Acompanhado por uma médica e por seus pais, o garoto guerreiro tirou fotos ao lado dos policiais de ROTA
Divulgação/ROTA
Acompanhado por uma médica e por seus pais, o garoto guerreiro tirou fotos ao lado dos policiais de ROTA

Aos 6 anos de idade, o pequeno Alexsandro foi presenteado e surpreendido, nesta semana, pela ROTA (Rondas Ostensivas Tobias de Aguiar), a elite a Polícia Militar de São Paulo, em um hospital infantil da capital paulista.

Leia também: O castigo vem a cavalo: Polícia Montada da PM prende traficante no centro de SP

O menino – que sustenta o sonho de se tornar um policial de ROTA – está internado na unidade do Grupo de Apoio ao Adolescente e à Criança com Câncer (Graacc) do bairro do Ibirapuera, na zona sul de São Paulo. Lá, ele luta todos os dias contra um câncer que já está em estado avançado.

Alexsandro luta contra um câncer que já está em estado avançado
Divulgação/ROTA
Alexsandro luta contra um câncer que já está em estado avançado

Alexsandro tem ficado abatido devido ao seu estado de saúde. A doença o fez perder uma perna e comprometeu o funcionamento de alguns órgãos do seu corpo. Recentemente, foi descoberto um novo tumor no seu único pulmão e, por conta do grau do câncer, os médicos já abandonaram o tratamento com base na quimioterapia.

A fim de reanimá-lo nesses dias mais difíceis, sua mãe resolveu planejar uma surpresa para o pequeno guerreiro, fã dos homens de farda. Para tanto, abordou policiais que encontrou em uma padaria, na última quarta-feira (18).

Leia também: ROTA prende traficante que usava aplicativo de carona para transportar drogas

"Ela se aproximou de oficiais de uma viatura que também faziam refeição no local e explicou todo o quadro de saúde do menino, falou que os médicos já afirmam que não há o que fazer por ele", contou o Tenente Bernardes, em entrevista ao iG .

Rapidamente, a história de Alex passou de Cabo a Sargento, de Sargento a Tenente e, em poucas horas, estava agendada uma visita dos policiais ao leito do garoto, no Graacc.

"Confirmei a visita com a mãe dele ainda na quarta-feira e, no dia seguinte, deslocamos uma viatura para lá", comenta o Tenente.

"Mãe, eu sou um policial de verdade"

O garoto que sonhava em ser um policial teve, enfim, o seu sonho realizado: visitado por policiais na última quinta-feira (19), ele ganhou uma série de presentes, inclusive um uniforme completo feito para crianças da sua idade.

Fardado e sorridente, Alexsandro "chorou copiosamente" e teve a oportunidade de participar de um patrulhamento de viatura, para saber como funciona o trabalho de um policial.

"Hoje, ele disse: 'mãe, eu sou um policial de verdade'. Então, eu respondi que sim, pela garra e por ele ser um guerreiro igual a todos os policiais", disse a mãe do garoto. "No momento em que ele recebeu a farda, foi muito lindo. A emoção foi tanta, que não teve como não chorar", desabafou.

Divulgação/ROTA
"Essa esperança, essa vontade de viver, talvez possam ajudá-lo", disse o Tenente

Acompanhado por uma médica e por seus pais, o garoto tirou fotos ao lado dos policiais e ainda ganhou uma medalha.

O Sargento que participou da visita, segundo o Tenente Bernardes, estava de férias. E Alex não foi a única criança que se divertiu com a presença da PM no Graacc. "Todas as crianças acabaram fazendo uma festa", conta o oficial.

"Essa esperança, essa vontade de viver, talvez possam ajudá-lo a se recuperar", encerrou o Tenente de ROTA, que revelou ao iG que planeja ainda novas aventuras para o garoto, inclusive um voo no helicóptero águia da PM.

Leia também: No feriado da padroeira do Brasil, ROCAM exorciza o crime na cidade de Aparecida

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.