Começam as apostas para o Oscar 2011

Colin Firth, James Franco, Annette Benning e Natalie Portman estão entre os favoritos nas categorias de atores

EFE |

Divulgação
Cena do filme "A Origem"
Faltam três meses para a 83ª edição do Oscar e as apostas pelos favoritos que almejam conquistar a desejada estatueta ainda está no ar, embora já despontam como garantidos Colin Firth, James Franco, Annette Benning e Natalie Portman.

No dia 14 de janeiro, a Academia de Hollywood revelará os candidatos aos prêmios máximos do cinema, e dois dias depois serão divulgados os vencedores do prêmio Globo de Ouro, conhecido como a "antessala do Oscar". Os nomes dos aspirantes ao Globo de Ouro serão apresentados em 14 de dezembro, e dois dias depois serão os dos candidatos aos prêmios do Sindicato de Atores dos Estados Unidos. Para saber a lista dos indicados ao Sindicato de Diretores dos EUA será necessário aguardar até o dia 10 de janeiro.

Até lá, as previsões da imprensa especializada já servem como indicativo das preferências dos membros eleitores da Academia de Hollywood, e obras como "A Rede Social", "A Origem", "The King's Speech", "127 Hours" e "True Grit" parecem ter suas candidaturas como certas na categoria de melhor filme. Após as modificações realizadas em 2009 pela Academia, esta categoria voltará a contar com dez longas candidatos, portanto, têm chance filmes como "The Fighter", "Atração Perigosa", "Winter's Bone", "Minhas Mães e Meu Pai" e inclusive "Toy Story 3".

Na categoria de melhor ator, se dá por certo a presença de Colin Firth ("The King's Speech") e de James Franco ("127 Hours"), e não se descarta o trio Robert Duvall ("Get Low"), Ryan Gosling ("Blue Valentine") e Jesse Eisenberg ("A Rede Social"), segundo o site AwardsDaily.com.

Divulgação
Annette Benning e Julianne Moore em "Minhas Mães e Meu Pai"
Outros portais especulam a possibilidade de o espanhol Javier Bardem voltar a estar entre os candidatos, desta vez por seu papel em "Biutiful", do mexicano Alejandro González Iñárritu, onde dá vida a um homem que ouve os mortos, com dois filhos e uma relação difícil e intermitente com sua mulher, que é bipolar.

Esse filme, além disso, pode estar entre os finalistas como melhor filme estrangeiro, um sonho que também têm o espanhol "Y también la lluvia", de Icíar Bollaín; o argentino "Carancho", de Pablo Trapero; o brasileiro "Lula, o Filho do Brasil", de Fabio Barreto; o chileno "A Vida dos Peixes", de Matías Bize; o colombiano "Crab Trap", de Óscar Ruiz; e o costarriquenho "Do Amor e Outros Demônios", de Hilda Hidalgo.

Também foram pré-selecionados, entre outros, o nicaraguense "La Yuma", de Florence Jaugey; o peruano "Contracorrente", de Javier Fuentes-León; o uruguaio "La Vida Útil"; de Federico Veiroj, e o venezuelano "Hermano", de Marcel Rasquin.

Entre as mulheres, está prevista uma luta inflamada entre Annette Benning ("Minhas Mães e Meu Pai") e Natalie Portman ("Black Swan"), embora possam encontrar concorrência nas complexas interpretações de Jennifer Lawrence ("Winter's Bone"), Michelle Williams ("Blue Valentine") e Tilda Swinton ("I Am Love"), como aponta Pete Hammond, do blog Deadline.

Entre os intérpretes que disputarão o Oscar de melhor ator coadjuvante, sobressaem as atuações de Christian Bale ("The Fighter"), Geoffrey Rush ("The King's Speech") e Andrew Garfield ("A Rede Social"), e no campo feminino, segundo o portal "Moviecitynews.com", Helena Bonham-Carter ("The King's Speech), Hailee Stainfeld ("True Grit") e Miranda Richardson ("Made in Dangenham") são as que têm o maior número de votos.

Parece claro que o Oscar de melhor filme de animação voltará a recair sobre a Pixar, desta vez por "Toy Story 3", embora os críticos reconheçam a qualidade de outras obras, como "Enrolados" e "Como Treinar o Seu Dragão".

E o de melhor diretor, as opções sairão majoritariamente do grupo de indicados a melhor filme, como costuma ocorrer. Neste caso, soam com força os nomes de Tom Hooper ("The King's Speech"), David Fincher ("A Rede Social"), Christopher Nolan ("A Origem"), Danny Boyle ("127 Hours") e os irmãos Joel e Ethan Coen ("True Grit"). A 83ª edição dos prêmios Oscar será realizada no dia 27 de fevereiro no teatro Kodak, de Los Angeles, e será transmitida nos EUA pela rede "ABC".

    Leia tudo sobre: Oscar 2011

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG