Christopher Plummer ganha Oscar de ator coadjuvante

Aos 82 anos, canadense é o mais velho a ganhar o prêmio, por "Toda Forma de Amor"

iG São Paulo |

Getty Images
Christopher Plummer com o Oscar 2012
O ator Christopher Plummer venceu na noite deste domingo (26) o prêmio de melhor ator coadjuvante no Oscar 2012 , pelo filme "Toda Forma de Amor". Nascido no Canadá em dezembro de 1929, ele se tornou, aos 82 anos, o ator mais velho a ganhar um Oscar.

"Você só é mais dois anos mais velha do que eu, querida, por onde você andava?", disse o ator no palco, brincando com a estatueta – o Oscar foi criado há 84 anos. O público do Hollywood & Highland Center o aplaudiu de pé.

Ele agradeceu aos outros indicados, ao diretor do filme, Mike Mills, e a seu colega de cena, Ewan McGregor. "Se eu tivesse alguma decência, compartilharia o prêmio com vocês, mas não tenho", acrescentou, num discurso muito bem humorado.

Leia também: Octavia Spencer vence como melhor atriz coadjuvante

Plummer estreou no cinema no final da década de 1950. Tornou-se conhecido em 1965, ao interpretar o Barão Von Trapp em "A Noviça Rebelde". Apesar da longa carreira, só conseguiu sua primeira indicação ao Oscar em 2010, quando disputou a estatueta de ator coadjuvante por "A Última Estação". Na ocasião, ele perdeu para Christoph Waltz, de "Bastardos Inglórios".

Siga o iG Cultura no Twitter

Em "Toda Forma de Amor", ele interpreta um viúvo que, na velhice, assume ser gay. O papel já havia lhe valhido, entre outros prêmios, o Globo de Ouro.

Leia também: "O Artista" é o grande vencedor do Oscar 2012; veja todos os premiados

    Leia tudo sobre: cinemaoscarchristopher plummertoda forma de amor

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG