Produtores da premiação negaram pedido do grafiteiro britânico

Banksy em cena do documentário: identidade secreta
Divulgação
Banksy em cena do documentário: identidade secreta
O grafiteiro Banksy teve negado pelos organizadores do Oscar 2011 seu pedido de ir à cerimônia do prêmio disfarçado. Banksy, indicado ao prêmio de melhor documentário por "Exit Through The Gift Shop", é conhecido por manter seu anonimato.

Bruce Davis, diretor da Academia, explicou a decisão em entrevista ao site Entertainment Weekly. "Imagine a cena: o documentário vence e sobem ao palco cinco pessoas com máscaras de macaco dizendo 'Sou Banksy'. Para quem daremos o prêmio?", disse.

À época da indicação, Banksy se mostrou surpreso com a presença do documentário no Oscar. "Não concordo com o conceito de cerimônias de premiação, mas posso abrir uma exceção às quais eu sou indicado", continuou o artista no texto. Ele ainda declarou que "o último homem pelado pintado de ouro que esteve em minha sala fui eu", em uma referência à estatueta de premiação do Oscar.

"Exit Through the Gift Shop" retrata o ambiente de artistas de rua pelo mundo, através da ótica de Thierry Guetta, também conhecido como Mr Brainwash. O filme reflete a importância e a efemeridade da arte moderna e seus discursos, fazendo uma crítica ao consumismo.

O fato de nunca ter aparecido em público já levantou suspeitas de que Banksy, na verdade, é um coletivo de artistas centralizado em uma única figura.

A entrega do 83º Oscar acontece neste domingo, 27, no Teatro Kodak, em Los Angeles. A cerimônia será apresentada pelos atores James Franco e Anne Hathaway.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.