Obama declara apoio a esforços europeus contra crise

Washington, 7 mai (EFE).- O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, expressou hoje seu apoio a "uma resposta firme" contra os atuais problemas econômicos na Europa, em declaração concedida no jardim da Casa Branca.

EFE |

Washington, 7 mai (EFE).- O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, expressou hoje seu apoio a "uma resposta firme" contra os atuais problemas econômicos na Europa, em declaração concedida no jardim da Casa Branca. Obama revelou que conversou sobre "os eventos econômicos e financeiros na Europa" com a chanceler alemã, Angela Merkel. "Concordamos na importância de uma resposta política firme por parte dos países afetados e uma resposta financeira firme por parte da comunidade internacional", explicou. "Deixei claro que os EUA apoiam estes esforços e continuarão cooperando com as autoridades europeias e o Fundo Monetário Internacional (FMI) durante este período crítico", acrescentou o presidente americano. A difícil situação financeira na Europa foi assunto também de uma teleconferência realizada hoje pelos ministros de Finanças do Grupo dos Sete (G7, os sete países mais industrializados do mundo). Obama também aludiu à "atividade incomum dos mercados" desta quinta-feira em Wall Street, quando o índice Dow Jones Industrial chegou a cair mil pontos durante o pregão. "As autoridades reguladoras vão avaliar isto de perto, com a intenção de proteger os investidores e impedir que isso volte a acontecer", afirmou. O presidente americano assegurou que os resultados desta investigação serão divulgados, assim como as recomendações sobre as medidas a tomar. EFE mv/bba

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG