Zimbábue vota em eleição com Robert Mugabe como candidato único

O Zimbábue comparece às urnas nesta sexta-feira para uma eleição presidencial na qual Robert Mugabe tem a vitória garantida, já que é o único candidato depois da desistência do líder da oposição, Morgan Tsvangirai, que qualificou a jornada de dia de humilhação e vergonha para o país.

AFP |

Clique na imagem para ver o infográfico sobre a eleição no Zimbábue

Os quase 9.000 locais de votação abriram as portas às 5H00 GMT (2H00 de Brasília) em um ambiente sombrio. As portas permanecerão abertas até 17H00 GMT (14H00 de Brasília) e 5,9 milhões de zimbabuanos estão registrados.

"Fiquei na porta desde às três da manhã, mas fui o único. Estou nervoso. Sinto que tenho que participar porque amo meu país", declarou Danger Zvenbabvu, de 50 anos, a única pessoa que aguardava a abertura do portão de um local de votação no centro de Harare.

Mugabe - de 84 anos e que está desde 1980 no poder, data da independência do país - é o único candidato na disputa depois da desistência de Tsvangirai, que alegou a onda de violência contra seus partidários, que segundo ele deixaram 85 mortos.

O aparente comparecimento reduzido às urnas é um sintoma da tensão que domina uma jornada eleitoral definida por Tsvangirai, de 56 anos e líder do opositor Movimento pela Mudança Democrática (MCD), como um "dia de humilhação e vergonha" para o Zimbábue.

"Hoje não é uma eleição. Hoje é um dia de humilhação e vergonha; é outro dia trágico na história de nossa nação", afirma Tsvangirai em uma carta aberta.

O líder do MCD derrotou Mugabe no primeiro turno, em 29 de março. Nas eleições, que também foram legislativas, o partido de Tsvangirai obteve maioria na Câmara dos Deputados, que pertencia ao movimento ZANU-PF de Mugabe há 28 anos.

"O resultado da eleição de hoje não tem significado porque não reflete a vontade do povo do Zimbábue, apenas seu medo", acrescentou Tsvangirai, que pediu ainda à população que não compareça às urnas.

Leia mais sobre: Zimbábue

    Leia tudo sobre: eleiçõeszimbábue

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG