O Zimbábue está se deteriorando rapidamente e se transformando em estado falido enquanto o presidente Robert Mugabe mantém o país como refém, disse nesta quinta-feira, em Washington, o embaixador dos Estados Unidos em Harare, James McGee.

A ONU havia informado nesta quinta-feira que o balanço de mortos pela epidemia de cólera no Zimbábue subiu para 783 e que existem 16.403 casos suspeitos, pouco depois do presidente Robert Mugabe ter afirmado que a doença já não existe no país.

lc/mac/sd

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.