Zimbábue deve ser condenado pelo G8, diz EUA

Um oficial da Casa Branca afirmou, neste sábado, que os líderes do G8 - o grupo dos sete países mais industrializados do mundo mais a Rússia - deverão condenar o governo do presidente do Zimbábue, Robert Mugabe. Durante a viagem para o encontro dos líderes, que começa na segunda-feira no Japão, um dos diretores do Conselho de Segurança Nacional dos EUA, David Wilder, afirmou que os representantes do grupo devem questionar a legitimidade do governo de Mugabe e o modo como ele está comandando o país.

BBC Brasil |

No dia das eleições presidenciais do Zimbábue, realizadas em 27 de junho, ministros do Exterior do G8 já haviam dado indícios sobre a opinião do grupo a respeito da eleição de Mugabe.

Em reunião no Japão, eles prestaram um depoimento na véspera das eleições e afirmaram que não poderiam aceitar a legitimidade de um governo no Zimbábue "que não reflita a vontade do povo zimbabuano".

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG