Zimbábue: 20 opositores assassinados desde o segundo turno, segundo o MDC

Vinte partidários da oposição zimbabuana foram mortos por seguidores do presidente Robert Mugabe desde o segundo turno da eleição presidencial, em 27 de junho, afirmou nesta segunda-feira o Movimento pela Mudança Democrática (MDC).

AFP |

No total, 109 simpatizantes da oposição morreram na onda de violência que assola o país desde as eleições gerais de 29 de março, anunciou o MDC em comunicado.

Fiéis do presidente Mugabe "intensificaram a violência contra os partidários do MDC em todo o país" desde o dia 27 de junho. "Eles assassinaram 20 militantes do MDC e agrediram milhares de simpatizantes", denunciou o MDC.

O líder do MDC, Morgan Tsvangirai, vencedor do primeiro turno, tinha se retirado da disputa por causa das agressões contra seus seguidores. Assim, Robert Mugabe, 84 anos sendo 28 no poder, ganhou tranqüilamente o segundo turno.

sn/yw

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG