A médica sanitarista Zilda Arns Neumann, fundadora da Pastoral da Criança, está entre as vítimas fatais do terremoto no Haiti da última terça-feira, informou o gabinete do senador Flávio Arns, (PSDB-PR), que é sobrinho de Zilda. Irmã do cardeal-arcebispo de São Paulo, Dom Paulo Evaristo Arns, Zilda estava no Haiti como parte de uma série de visitas a países da região e teria morrido após escombros caírem sobre ela enquanto caminhava na rua.

Segundo o gabinete do senador Flávio Arns, Zilda estava acompanhada de um membro do Exército brasileiro - que não foi identificado - e teria morrido imediatamente.

Nascida em Forquilhinha, Santa Catarina, Zilda tinha 75 anos e morava em Curitiba (PR). Ela deixa cinco filhos e dez netos.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.