Zelaya pede aos EUA e ao mundo que aumentem medidas contra os golpistas

Manágua, 30 jul (EFE).- O presidente deposto de Honduras, Manuel Zelaya, pediu hoje aos Estados Unidos que intensifiquem de forma mais energética, mais forte e com maior decisão suas medidas contra as novas autoridades de seu país, lideradas por Roberto Micheletti.

EFE |

Zelaya fez este pedido ao embaixador dos Estados Unidos em Tegucigalpa, Hugo Llorens, com quem inesperadamente se reuniu hoje na sede diplomática de Honduras em Manágua. EFE lfp/pd

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG