Zelaya está bem de saúde, diz colaborador

Tegucigalpa, 26 set (EFE).- O presidente deposto de Honduras, Manuel Zelaya, está em bom estado de saúde apesar dos supostos ataques com gases contra a Embaixada do Brasil em Tegucigalpa, disse à Agência Efe o padre Andrés Tamayo, um dos colaboradores mais próximos do líder hondurenho.

EFE |

"O presidente está bem, os médicos o olharam e está bem", relatou Tamayo à Efe por telefone.

"Amanhecemos tranquilos, sempre com as supostas informações de que os militares iriam entrar ontem à noite", acrescentou Tamayo.

Segundo o padre, as pessoas que estavam na embaixada ontem sofreram com os efeitos de gases oriundos de "bolsas com produtos químicos" colocadas nos arredores da sede diplomática, algo que foi negado pelas autoridades de fato.

Na sexta-feira, "médicos independentes, fiéis à resistência", disse Tamayo, examinaram o presidente deposto e diagnosticaram irritações em sua garganta e problemas de estômago.

O médico Marco Girón, que está dentro da embaixada com Zelaya, declarou à Efe que as quase 60 pessoas que estão no local tiveram, de forma geral, náuseas, enjôos, desmaios, irritação na garganta, sangramentos nasais e sangue na urina.

"Hoje já estão recuperados. Imaginamos que, diante da pressão internacional, pararam de espalhar esse tipo de gás", disse, ao acrescentar que "o presidente está em bom estado de saúde".

O Conselho de Segurança das Nações Unidas condenou na sexta-feira as "ações de intimidação" contra a embaixada brasileira, enquanto o presidente de fato hondurenho, Roberto Micheletti, negou que haja interferência no funcionamento dos telefones do local ou o uso de gases contra a sede diplomática.

Zelaya foi detido e expulso de Honduras por militares em 28 de junho. No mesmo dia, o Congresso hondurenho nomeou seu então presidente, Roberto Micheletti, como chefe de Estado.

O presidente deposto chegou de surpresa ao país na última segunda-feira. Desde então, está refugiado na Embaixada do Brasil em Tegucigalpa. EFE jlp/bba

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG