Zelaya diz que não busca a reeleição

Nações Unidas, 30 jun (EFE).- O presidente derrubado de Honduras, Manuel Zelaya, disse hoje que não pretende se candidatar à reeleição quando seu mandato terminar, em 27 de janeiro.

EFE |

Porém, afirmou que seguirá adiante com seu projeto de mudar a Constituição do país.

"Eu volto à vida civil, à vida cidadã, não à política", afirmou Zelaya na entrevista coletiva que concedeu após discursar na Assembleia Geral da ONU.

O presidente deposto destacou que a legislação hondurenha proíbe a reeleição presidencial e que qualquer reforma constitucional beneficiaria os próximos governantes.

Além disso, ressaltou que, quando o mandato acabar, retomará a vida de empresário agrícola que deixou após ser eleito em novembro de 2005. EFE jju/sc

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG