Zebras pintadas sofrem diante da violência em Tijuana

TIJUANA, México - Os burros pintados de Tijuana, conhecidos como zebras, são comuns nas ruas dessa cidade há décadas, posando com astros de Hollywood e turistas para a foto perfeita.

AP |

Mas o aumento na violência nessa cidade de 1.4 milhões de habitantes do outro lado da fronteira de San Diego, faz com que os donos dos burros temam que seu negócio possa ser a próxima vítima.



Morador de Tijuana arrasta burro pintado, conhecidos como "zebras", pela Av. Revolución  / AP

"Antes isso atraia muitas pessoas", disse Victor Manuel Reyes, numa tarde em que esperava por clientes numa vazia Avenida Revolución. "Muitos diriam 'Veja, as zebras mexicanas!' Elas eram famosas. Muitas pessoas de todo o mundo levavam fotos com elas".

Ultimamente, afirmou Reyes, os negócios estão afundando "como o Titanic".

Reyes disse que seu trabalho já é difícil, exige muito esforço e uma incrível quantidade de tinta e escovas de dentes para criar as listras de sua "zebra", Ruben.

Durante sua carreira de 25 anos diante do carrinho de Reyes, Ruben teve alguns momentos de fama (como uma foto com o ator americano Gregory Hines).

Reyes disse que Ruben esteve presente no casamento da filha o excêntrico prefeito Jorge Hank Rhon.

Os historiadores dizem que os fotógrafos começaram a pintar os burros nos anos 1940 para que os animais não sumissem contra o fundo em imagens preto e branco.

Leia mais sobre: México


    Leia tudo sobre: apzebras

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG