WWF: aumento de apenas 2 graus provocaria degelo na Groenlândia

Um aumento inferior a dois graus Celsius na temperatura global bastaria para provocar o derretimento da camada de gelo da Groenlândia, advertiu nesta quinta-feira a organização WWF, que pede uma ação urgente.

AFP |

"Os cientistas sugerem agora que um aquecimento de menos de dois graus Celsius poderia ser suficiente para provocar o derretimento da camada de gelo da Groenlândia", assinala a World Wildlife Fund (WWF) em um comunicado divulgado em Genebra.

"Como consequência, o nível do mar se elevaria em vários metros, ameaçando dezenas de milhões de pessoas no mundo", que vivem nas regiões costeiras, destaca o documento.

Segundo a WWF, com o degelo da Groenlândia o nível do mar subiria até sete metros, com um impacto devastador para o resto do planeta.

WWF pede aos governos que se reunirão na Polônia, a partir da próxima segunda-feira, em uma conferência internacional patrocinada pela ONU, que "desenvolvam um texto de negociação forte para um novo tratado climático".

Kim Carstensen, responsável da Iniciativa Climática Global da WWF, disse que os "dirigentes políticos não podem desperdiçar um só segundo adiando estratégias", diante deste desafio urgente.

hmn/LR

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG