Washington envia mais 3 mil soldados ao Afeganistão

O Estado-Maior conjunto das forças americanas determinou o envio de mais 3.100 soldados ao Afeganistão, como parte do reforço de 30 mil homens determinado pelo presidente Barack Obama, informou nesta terça-feira um porta-voz do Pentágono.

AFP |

Ao menos 25 mil militares dos Estados Unidos já receberam a ordem de partir nos próximos meses para a frente afegã, onde já há cerca de 113 mil soldados, destacou o porta-voz Bryan Whitman.

Um primeiro contingente, de 1.500 'Marines' (fuzileiros navais), chegou ao Afeganistão no final de dezembro, do mesmo modo que tropas da famosa 10ª Divisão de Montanha do Exército.

Os efetivos anunciados hoje incluem 2.600 membros de uma brigada aérea de combate baseada em Fort Hood, Texas, palco do tiroteio, em novembro passado, deflagrado pelo psiquiatra militar muçulmano Nidal Hasan, que deixou 13 mortos.

O Pentágono também determinou o envio de 500 soldados para apoio logístico da brigada aérea.

O número de soldados americanos e da Força Internacional de Assistência à Segurança no Afeganistão (ISAF) deve aumentar de 113.000 a 150.000 em 2010 para combater a insurreição dos talibãs.

O ano de 2009 foi o mais mortífero para o contingente estrangeiro desde a invasão do país, em 2001.

dab/LR

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG