Washington deve forçar Israel a aceitar solução com dois Estados

O principal negociador palestino, Saëb Erakat, pediu neste sábado aos Estados Unidos que obtenham de Israel o reconhecimento de uma solução com dois Estados, israelense e palestino, como única saída para a paz no Oriente Médio.

AFP |

O primeiro-ministro israelense de direita, Benjamin Netanyahu, que se recusa a falar em favor de um Estado palestino, é esperado segunda-feira na Casa Branca para uma reunião com o presidente americano, Barack Obama.

"A administração Obama está diante de seu primeiro teste. O que pedimos aos Estados Unidos agora é que parem de tratar Israel como se fosse um Estado acima da lei", declarou Erakat durante o Fórum Econômico Mundial que está sendo realizado na Jordânia.

"Somente Obama pode forçar Israel a aceitar uma solução com dois Estados e deter suas atividades de colonização", acrescentou.

O negociador palestino advertiu contra uma política de dois pesos e duas medidas sobre o processo de paz.

"Se a administração americana decidir recorrer a uma dupla linguagem com os árabes e os israelenses, o processo de paz terminará antes mesmo de ter começado", disse.

Leia mais sobre: negociações

    Leia tudo sobre: israelnegociaçãopalestinapalestinos

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG