DUBLIN (Reuters) - A Irlanda vai impor restrições sobre todos os voos procedentes ou com destino ao país entre 3h e 9h da manhã da terça-feira (horário de Brasília) devido ao riscos às aeronaves causados pelas cinzas lançadas pelo vulcão do sul da Islândia.

"A Irlanda está dentro da área prevista de concentração de cinzas que excederam os níveis aceitáveis de tolerância de fabricantes de motores", afirmou a Autoridade de Aviação Irlandesa (IAA, na sigla em inglês) num comunicado nesta segunda-feira.

DUBLIN (Reuters) - A Irlanda vai impor restrições sobre todos os voos procedentes ou com destino ao país entre 3h e 9h da manhã da terça-feira (horário de Brasília) devido ao riscos às aeronaves causados pelas cinzas lançadas pelo vulcão do sul da Islândia.

"A Irlanda está dentro da área prevista de concentração de cinzas que excederam os níveis aceitáveis de tolerância de fabricantes de motores", afirmou a Autoridade de Aviação Irlandesa (IAA, na sigla em inglês) num comunicado nesta segunda-feira.

Os voos que passarão sobre a Irlanda procedentes da Grã-Bretanha e da Europa não serão afetados, informou a IAA, acrescentando que voos no continente europeu irão operar normalmente.

Os voos sobre a Europa foram atingidos pelo fechamento de seis dias do espaço aéreo no mês passado devido às preocupações com o efeito das cinzas do vulcão islandês nos motores das aeronaves.

(Reportagem de Marie-Louise Gumuchian)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.