Vulcão entra em erupção na Rússia após 50 anos inativo

Moscou, 22 ago (EFE).- O vulcão Koriaksky, na península de Kamtchatka, na Rússia, entrou hoje em erupção após mais de 50 anos de silêncio e lançou cinzas a vários quilômetros de altura.

EFE |

As nuvens de cinza foram avistadas a 100 quilômetros do vulcão, que também expeliu grande quantidade de vapor e gás, segundo informaram especialistas à agência oficial de notícias local "Itar-Tass".

Os técnicos que se aproximaram do vulcão para observar sua atividade detectaram poucos restos de lava ou outros materiais incandescentes na encosta da montanha.

Por isso, asseguram que a erupção não representa um perigo para a população local, embora aconselharam a suspensão de voos nas imediações do Koriáksky, a cerca de 30 quilômetros da capital regional, Petropavlovsk-Kamchatcky.

Segundo especialistas, o Koriaksky viveu sua era de maior atividade há entre 3.500 e 7 mil anos.

Em Kamtchatka, península banhada pelo oceano Pacífico, existem 68 vulcões, 29 deles ativos, que agrupam 12% da atividade vulcânica de todo o mundo. É também a região de maior atividade sísmica da Rússia. EFE io/rr

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG