Voos são normalizados lentamente em aeroportos de Buenos Aires

As companhias brasileiras TAM e Gol tiveram alguns voos para a capital argentina cancelados na segunda-feira

iG São Paulo |

A atividade em três aeroportos da capital argentina, Buenos Aires, se normaliza lentamente nesta terça-feira. O Aeroparque Metropolitano Jorge Newbery e os aeroportos de Ezeiza e San Fernando ficaram sem voos na segunda-feira por causa de uma falha no sistema de comunicação do controle aéreo, disseram fontes oficiais. A falha paralisou a atividade por 8 horas, forçando o cancelamento de 300 voos.

Na segunda, a suspensão afetou pousos e decolagens do Ezeiza, nos arredores de Buenos Aires, e no Aeroparque, no centro da cidade, onde milhares de passageiros esperaram informações sobre os serviços aéreos.

A Administração Nacional de Aviação Civil (Anac), que regula o setor, informou que "todos os voos estavam suspensos por falhas no Sistema de Comunicação do Centro de Controle Aéreo", segundo nota do organismo divulgado pela agência estatal de notícias Telam.

Um dos diretores da Anac, Fernando Jantus, informou a um canal de televisão local que os serviços de aviação comercial seriam normalizamos dentro de algumas horas.

A falha no sistema de comunicação obrigou a suspender uma viagem prevista da presidente da Argentina, Cristina Kirchner, de Buenos Aires à província de Salta, no norte do país.

As companhias aéreas brasileiras TAM e Gol, que operam diariamente a Buenos Aires, informaram por meio de suas assessorias de imprensa que alguns voos foram cancelados na segunda-feira, forçando a reorganização de sua programação.

A TAM cancelou ao menos sete voos na segunda-feira procedentes e com destino a Buenos Aires, mas informou que, além da programação normal, a companhia criou reforços para terça-feira a fim de atender aos passageiros afetados pelos cancelamentos.

A Gol informou o cancelamento de ao menos sete voos. A empresa disse que providenciaria reacomodações e atendimento necessário aos passageiros em terra.

    Leia tudo sobre: argentinabuenos airesaeroportos

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG