Vôos de Aerolíneas Argentinas são suspensos devido a cinzas de vulcão chileno

Buenos Aires, 7 mai (EFE).- A empresa área Aerolíneas Argentinas suspendeu hoje seus vôos para quatro cidades do sul da Argentina devido à gigantesca nuvem de cinzas gerada pela erupção do vulcão Chaitén, no Chile.

EFE |

A companhia anunciou em comunicado que adiou seus vôos para as cidades de Trelew, Neuquén e Bariloche, situadas nas três províncias da Patagônia argentina afetadas pela emissão de cinzas vulcânicas.

Também foram suspensos os vôos para Bahía Blanca, uma zona do sul da província de Buenos Aires, que também foi afetada pelo fenômeno natural.

A gigantesca nuvem de cinzas levada pelo vento do vulcão Chaitén, na Cordilheira dos Andes, não afeta somente os aeroportos dessas quatro cidades mas, segundo a companhia área, prejudica também vôos para outros destinos.

As localidades argentinas mais afetadas pelas cinzas do vulcão, que entrou em erupção na semana passada, são Trelew, Esquel e Corcovado, que juntas têm 70 mil habitantes. EFE alm/rr/gs

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG