Um voo Paris-Sanaa da companhia Yemenia, com muitos passageiros que seguiriam para as ilhas Comores, foi bloqueado nesta quarta-feira no aeroporto Charles De Gaulle de Paris por jovens comorenses e decolou com 40 minutos de atraso.

Dos 160 passageiros, quase 60 não embarcaram, alguns porque foram impedidos e outros porque desistiram da viagem.

Um Airbus A310 da companhia nacional iemenita Yemenia caiu no mar na terça-feira com 153 pessoas a bordo. Até o momento apenas uma adolescente de 14 anos foi encontrada com vida.

sj-sst/fp

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.