Vôo da American Airlines é desocupado em Los Angeles

CHICAGO (Reuters) - Um vôo da American Airlines fez um pouso de emergência e foi desocupado em Los Angeles nesta terça-feira depois que foi detectada fumaça na cabine. Não houve feridos entre os 188 passageiros e seis tripulantes no Boeing 757, disse Tim Smith, porta-voz da AMR Corp, matriz da American Airlines.

Reuters |

O vôo 31, que faz o trajeto de Los Angeles para Honolulu, decolou às 8h48 (12h48 em Brasília) e retornou pois havia 'fumaça ou névoa' na cabine, disse Smith. Ele apontou que não havia sinais de fogo.

O avião foi desocupado usando quatro escorregadores que equipam as portas da aeronave. Smith disse que não sabia o motivo da utilização dos escorregadores no processo, acrescentando que ele é 'incomum'.

O pouso foi normal, e os passageiros foram levados de ônibus para o terminal. Smith disse que a causa da fumaça na cabine ainda não era conhecida. Ele disse que o avião, fabricado pela Boeing Co, seria deixado fora de serviço para investigação.

(Reportagem de Kyle Peterson)

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG