Volumes e cortes geométricos são apostas do libanês Elie Saab em Paris

Paris, 11 mar (EFE).- O estilista libanês Elie Saab lançou hoje sua coleção para o Outono-Inverno 2009-2010 na semana de moda de Paris, levando às passarelas belíssimas deusas hollywoodianas, com mangas volumosas, drapeados neoclássicos, transparências e profundos decotes.

EFE |

Abertos generosamente nas costas, triangulares ou retangulares, em longas aberturas longilíneas ou arredondados, Elie Saab mostrou uma grande variedades de decotes em Paris.

O estilista abusou dos cortes geométricos com cores como creme, marrons muito suaves, cinzas perolados, em algumas peças combinadas com o preto.

A mulher de Saab é magra, mas com curvas, realçadas pelo corte dos vestidos, blusas, calças e boleros, assim como por bordados intercalados no busto de vestidos de noite.

A silhueta, leve, mas claramente estruturada, partirá dos ombros, mas estes ficarão ocultos sob boleros para ocasiões especiais com mangas de peles volumosas e bordadas com flores e encaixes de guipura, colocados sobre calças de cintura alta, ou sobre saias curtas.

Casacos curtos e jaquetas evasês fechadas com um único e grande botão deram volumes adicionais à mulher de Elie Saab.

Para a noite, nos vestidos de seda, enfeitados com delicados bordados no busto, o volume fica restrito à parte inferior da peça, plissada, drapeada ou extremamente vaporosa.

Azuis-cobalto sem brilho, verdes-oceanos também sem brilho, cores fortes, beges acinzentados e pretos frequentemente bordados foram os tons da noite mais elegante do libanês.

Para a noite, muito preto, em algumas ocasiões bordados de lantejoulas e pedras, cores cremes, marrons muito claros, cinzas em vestidos curtos de seda ou de crepe georgette.

O cabelo fica preso, mas ganha um discreto volume na parte da frente.

Já o estilista Talbot Runhof dedicou sua coleção para as festas.

Os vestidos são praticamente com uma cor só, de seda ametista, rubi ou preto. Algumas peças eram de lã e tinham estampas muito gráficas, beges e marrons.

As mulheres de Runhof brilharão com estampas sobre seda e lurex em vermelho, rosa, fúcsia e ametista; e vestidos bordados de lantejoulas, ou com mosaicos de pedras vermelhas, marrons, pratas e rosas.

Por sua parte, Sophie Albou propôs para Paul and Joe um inverno 2010 bastante juvenil, com botas de cano alto pretas para brilhar com decotados minivestidos dourados e prateados, shorts ou jeans.

Minivestidos esvoaçantes, de lantejoulas, conjuntos rosas e cinzentos foram outras fantasias de inverno de Paul and Joe, firma que não terá medo de usar e abusar das peles de animais. EFE lg/db

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG