ISLAMABAD (Reuters) - O viúvo da ex-primeira-ministra assassinada do Paquistão Benazir Bhutto será candidato à presidência do país, disse uma autoridade de seu partido neste sábado. O Partido do Povo Paquistanês, liderado por Asif Ali Zardari, afirmou na sexta-feira querer que ele concorra.

A eleição presidencial para substituir Pervez Musharraf, que renunciou na segunda-feira, ocorrerá em 6 de setembro.

(Por Robert Birsel)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.