Vítimas de Sichuan dormirão em trens velhos no inverno

Pequim, 28 nov (EFE).- A cidade de Pequim enviou a Sichuan, a província mais castigada pelo terremoto de maio, dez trens velhos de sua rede de metrô, para que alguns dos desabrigados possam usá-los como abrigo no inverno, informou a imprensa local.

EFE |

Sessenta vagões servirão de refúgio contra o duro inverno para 1.200 moradores da cidade de Guangyuan, no norte da província, informou o "Diário da Juventude de Pequim".

Outros trens já em desuso foram destinados a outras regiões de Sichuan, onde foi localizado o epicentro do terremoto que deixou cerca de 90.000 mortos.

Um deles, por exemplo, é utilizado como dormitório dos professores em um instituto da localidade de Baolun.

Os trens destinados a Guangyuan cobriam até há pouco a linha 2 do metrô de Pequim, mas foram substituídos nos meses anteriores aos Jogos Olímpicos, como parte dos trabalhos de modernização da capital chinesa.

Muitos dos sobreviventes do terremoto, o pior sofrido pela China em 30 anos, ficaram sem lar e vivem atualmente em tendas de campanha e casas pré-fabricadas, enquanto prosseguem os trabalhos de reconstrução da região. EFE abc/mh

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG