Violência no Iraque está no menor nível em 5 anos, diz Petraeus

ROMA (Reuters) - A violência no Iraque nas últimas semanas caiu para o menor nível desde 2003 e os ganhos de segurança, embora ainda estejam em risco de reversão, estão menos frágeis do que antes, disse o general norte-americano David Petraeus na terça-feira. Petraeus, que lidera o Comando Central dos EUA, disse que as duas últimas semanas, principalmente, haviam mostrado ganhos significativos para a segurança no Iraque.

Reuters |

"Eu acho que ninguém contesta nesse momento que o que tem acontecido é um progresso significativo no Iraque", disse Petraeus em uma reunião no Centro de Estudos Americanos em Roma.

"A situação, apesar do progresso, ainda continua frágil e é reversível, mas está menos frágil do que estava, por exemplo, quando eu falei ao Congresso em maio".

O presidente-eleito Barack Obama tem dito que acredita que as tropas norte-americanas no Iraque podem ser retiradas em 16 meses.

Petraeus foi o principal comandante norte-americano no Iraque entre fevereiro de 2007 e setembro de 2008.

No Comando Central desde 31 de outubro, ele supervisiona operações e a estratégia militar dos EUA em uma faixa volátil do mundo que cobre 20 países, do Oriente Médio até a Ásia Central e do Sul, incluindo o Iraque e o Afeganistão.

(Reportagem de Phil Stewart)

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG