Vinte mineiros estão presos em uma mina de carvão na China

Pequim, 7 set (EFE).- Pelo menos 20 mineiros ficaram presos hoje, após uma inundação em um poço de carvão da província central de Henan, no quarto acidente ocorrido esta semana em minas do país, informaram fontes oficiais citadas pela agência Xinhua.

EFE |

O acidente ocorreu na mina de Fushun, no distrito de Changzhuang da cidade de Yuzhou, quando 50 picadores trabalhavam, dos quais cerca de 30 conseguiram colocar-se a salvo, disse um porta-voz do Governo municipal.

As operações de resgate já estão em andamento na busca dos que ficaram presos, acrescentou.

Outros 13 mineiros continuam presos na província de Hebei (norte), após uma explosão ocorrida na madrugada da sexta-feira na cidade de Tangshan, em uma mina cuja produção estava proibida.

Enquanto isso, na província de Sichuan, cinco mineiros estão desaparecidos e 13 morreram após a explosão em uma mina de carvão também na madrugada da sexta-feira.

O quarto acidente desta semana ocorreu na quinta-feira, quando outra explosão de gás em um poço da província nordeste de Liaoning deixou 27 mortos.

As minas chinesas são as mais perigosas do mundo, sobretudo as de carvão, onde 3.786 trabalhadores morreram em 2007, embora esse número represente uma queda de quase 20% em relação ao ano anterior.

EFE cg/ma

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG