YouTube gera crítica de trabalhistas - Mundo - iG" /

Vídeo de Gordon Brown no YouTube gera crítica de trabalhistas

Londres, 29 abr (EFE).- Um vídeo disponibilizado no fim de semana passado no YouTube em que o primeiro-ministro do Reino Unido, o trabalhista Gordon Brown, anunciava um polêmico plano de reforma dos ingressos dos parlamentares gerou críticas de alguns membros de seu partido.

EFE |

Os três minutos de gravação nos quais Brown propunha que se pagasse aos parlamentares um salário fixo simplesmente por assistir às sessões da Câmara dos Comuns são a pior publicidade para o líder trabalhista, em razão da rejeição que o plano causou.

"(O vídeo) foi muito prejudicial", disse o ex-ministro Charles Clarke, enquanto outro ex-dirigente trabalhista se perguntou como alguém deixou Brown lançar um vídeo com uma proposta que gerou forte oposição até mesmo entre seus correligionários.

A polêmica em torno ao vídeo não podia chegar em pior momento para Brown: as últimas pesquisas indicam que o Partido Conservador tem uma vantagem de 19 pontos na corrida eleitoral. EFE jr/mh

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG