Tamanho do texto

Moscou, 13 abr (EFE).- O vice-presidente do Tribunal Supremo da Inguchétia, Khasan Yandiev, foi assassinado hoje perto da cidade inguche de Karabulak, informou hoje o Ministério do Interior dessa república russa vizinha à Chechênia.

Yandiev foi metralhado por desconhecidos quando trocava um dos pneus de seu carro em uma estrada, disse a fonte às agências russas.

As autoridades locais estão procurando os assassinos, que fugiram do local de carro, e estão interrogando testemunhas.

A Rússia lançou nos últimos meses na Inguchétia várias operações especiais para combater o número crescente de terroristas e extremistas procedentes da Chechênia e do Daguestão.

Karabulak, que fica a cerca de 30 quilômetros da capital inguche, Nazran, também foi cenário no ano passado do assassinato de um assessor da Presidência inguche. EFE ioa/an

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.