vingança - Mundo - iG" /

Vice-presidente do Irã acusa países ocidentais de vingança

Teerã - O primeiro vice-presidente do Irã, Parviz Davudi, afirmou hoje que os distúrbios registrados após as eleições do último dia 12 foram planejados pelos países ocidentais em vingança à vitória da Revolução Islâmica, que há 30 anos tirou do poder o último Xá de Pérsia, o pró-ocidental Mohamad Reza Pahlevi.

EFE |

"As potências que querem se vingar da República Islâmica investiram grandes recursos e até criaram uma rede de TV para comandar os recentes distúrbios no Irã", disse o vice-presidente num congresso sobre drogas.

Segundo Davudi, os países ocidentais não souberam digerir "a lição de democracia" que o povo iraniano deu com sua participação maciça nas urnas.

"Os países dominantes querem uma democracia frágil, com pouca participação e cheia de fraudes. Mas a República Islâmica do Irã realizou uma eleição com 85% de participação", ressaltou o vice de Mahmoud Ahmadinejad.

"Agora, falam da existência de uma fraude eleitoral para combater esta democracia fundamentada na religião. Trata-se de uma grande e ardilosa mentira", disse.

O Irã virou palco de protestos e distúrbios desde que, há duas semanas, foram divulgados os resultados das eleições presidenciais, denunciadas como fraudulentas pela oposição.

Análises:

Leia também:

Leia mais sobre Irã

    Leia tudo sobre: eleiçõesirãprotestos

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG