Vice-presidente de Honduras diz que renunciará

Tegucigalpa, 18 nov (EFE).- O vice-presidente de Honduras, Elvin Ernesto Santos, anunciou hoje que renunciará a seu cargo, pois o estão impedindo de ser candidato à Presidência nas eleições gerais de novembro de 2009.

EFE |

Santos disse à imprensa local que hoje apresentará sua renúncia ao Parlamento, após conhecer as resoluções da Corte Suprema de Justiça e do Superior Tribunal Eleitoral que o desabilitam para que possa buscar a candidatura presidencial pelo Partido Liberal.

O vice-presidente afirmou que o presidente do Parlamento, Roberto Micheletti, que também busca a candidatura presidencial pelos liberais, e o pré-candidato Porfirio Lobo, do opositor Partido Nacional, estão contra as suas aspirações políticas.

Na última semana, a Sala do Constitucional da Corte Suprema de Justiça, em uma decisão (judicial) unânime de seus cinco membros, decidiu que o vice-presidente está entre as pessoas que a Constituição proíbe a concorrer à Presidência por ter exercido a chefia do Governo sob qualquer título.

Além disso, o Supremo Tribunal Eleitoral (TSE) não inscreveu então Santos como candidato presidencial de seu movimento interno no Partido Liberal, pois tem um impedimento constitucional. EFE gr/fal

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG