Veredicto de Aung San Suu Kyi adiado para 11 de agosto

O veredito no processo contra a opositora birmanesa Sung San Sun Killy foi adiado para 11 de agosto, anunciaram nesta sexta-feira fontes ligadas ao caso.

AFP |

Aung San Suu Kyi é, acusada de ter infringido as condições de sua prisão domicilar. A Prêmio Nobel da Paz pode ser condenada a cinco anos de prisão por ter abrigado, em maio, um americano que se apresentou em sua casa.

A opositora de 64 anos permanece detida desde então na prisão de Insein, norte de Yangun.

Suu Kyi passou 13 dos últimos 19 anos em prisão domiciliar desde que a junta militar que governa o país se negou a admitir sua vitória nas eleições de 1990.

str/cn

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG