Venezuela pode alterar fuso horário com agravamento da seca

A Venezuela pode modificar o fuso horário para melhorar o rendimento da população no uso da energia elétrica, no caso de prolongamento das secas que afetam as represas que alimentam as usinas hidrelétricas do país.

AFP |

"Se o problema da seca se aprofundar, vamos ter que apelar a tudo o que nos permita economizar água para gerar energia elétrica. Portanto, neste momento eu não descarto que tenhamos que mudar de fuso horario", afirmou o ministro da Energia, Angel Rodríguez, à imprensa.

Rodríguez também fez um apelo para que o setor empresarial enconomize energia elétrica para que seja possível manter o nível das represas até as chuvas de maio.

A falta de chuvas e esbanjamento são, segundo o governo do presidente Hugo Chávez, as causas da situação atual do país.

Mas os críticos do governo apontam a má gestão dos recursos hídricos e a falta de investimentos no setor eléctrico.

O governo anunciou na semana passada medidas de racionamento de energia elétrica, que incluem restrições no fornecimento a indústrias e centros comerciais.

Desde 2008, uma medida governamental determinou o atraso em 30 minutos dos relógios na Venezuela, deixando o país quatro horas e meia atrás do horário GMT.

rsr/fp

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG